28 de jan de 2011

Conto - Tears

Oi gente (:
Então, conto novo na área. Chama-se 'Tears', pois o fiz enquanto ouviu a música do Rush de mesmo nome.
Ele é um formato bem diferente do que costumo fazer, e como só duas pessoas leram, ainda estou meio insegura com ele. Não esqueçam de dizer o que acharam, hein? ;)


Tears

Ele sente que poderia dar a sua vida por ela.

Ela sente que ele é todas as respostas que ela sempre procurou.

Ele sente que era apenas metade de alguém antes de encontrá-la.

Ela sente que ele é a metade de sua alma que um dia, antes de nascer, ela perdeu por aí.

Ele sente um amor tão profundo por ela que o faz ter vontade de chorar por depender tanto assim de alguém.

Ela sente-se completamente desamparada com um sentimento tão intenso e inexplicável como este.

Mas ele sabe que não é perfeito e sempre teve um talento especial para acabar com a sua felicidade.

Ela sabe que é geniosa e diz coisas que magoam a um nível irrecuperável.

Ele sabe que em um momento de fraqueza a traiu, machucando-a da pior maneira possível.

Ela sabe que falou as palavras mais cruéis que podiam existir para ele. E por mais que sofra não se arrepende disso.

Ele chora.

Ela chora.

Suas lágrimas se misturam. E eles não sabem mais porque ainda fazem isso.

O que não os impede de continuar.

Porque apesar de ser parte um do outro, eles sabem que não podem ficar juntos.

Porque simplesmente não vai ser a mesma coisa.

Nunca mais.

Ele vai estar sempre na defensiva, esperando um novo ataque dela.

Ela vai estar sempre em posição de ataque, procurando novos vestígios de traição.

Ele sabe que tudo mudou.

Ela sabe que nada poderia ser de novo igual.

Eles sabem que algo se quebrou entre eles.

Pra sempre.

Ele sabe que ela o ama.

Ela sabe que ele o ama.

E isso realmente não importa mais pra eles.

Fim

P.S: se você gostou do conto e quiser postá-lo em algum lugar, fico lisonjeada. MAS antes disso, fale comigo e quando eu liberar, poste os créditos, ou teremos problemas.

4 comentários:

  1. AH bruh *------*

    perfeito!
    meu predileto agora *-*
    ;*

    ResponderExcluir
  2. Eu adorei, eu gostaria de ter outras palavras pra explicar, mas elas estão fugindo de mim hoje .-.
    Então, só consigo dizer que gostei :D

    ResponderExcluir
  3. =
    Nossa mew... tu e a Foxy tão me perseguindo ner!?
    só pode, lembra a mim mesmo esse texto, principalmente o trecho :

    "...sempre teve um talento especial para acabar com a sua felicidade."

    Sério mesmo, lindo ... adorei \o\

    ResponderExcluir